Eficiência e Vantagens do Controle Bacteriano Contínuo da Fermentação Etanólica

O setor sucroenergético brasileiro vem sendo profundamente afetado pela crise de saúde mundial, que está gerando, há praticamente duas safras, a redução no quadro de profissionais das usinas devido aos afastamentos.

A Nalco Water, sempre atenta às necessidades de seus clientes, conhece a dificuldade de manter uma fermentação de alto desempenho com equipe reduzida e com operadores e analistas de laboratório sobrecarregados.

Para auxiliar neste momento de grandes desafios dentro da planta industrial, o Controle Bacteriano Contínuo da Nalco Water se mostrou uma alternativa prática e muito eficiente.

Considerando que a contaminação bacteriana é o maior problema das fermentações devido às perdas de açúcar, diminuição da viabilidade celular da levedura e consequente queda no rendimento fermentativo, a Nalco Water identifica o ponto de entrada das bactérias contaminantes e apresenta a solução com o controle contínuo através de nossos antibióticos líquidos de aplicação fácil e segura.

Em clientes da região Centro Oeste, o controle bacteriano contínuo com a monensina líquida Nalco Water (Nalco 60998), aplicado na linha de mosto, vem mantendo a contaminação em níveis baixos durante toda a safra, impedindo que seus efeitos nocivos prejudiquem a fermentação, conforme gráficos abaixo:

Gráfico 1. Controle bacteriano após Controle Contínuo em usina da região Centro Oeste safra 20/21.


O controle contínuo e efetivo do mosto reduziu em mais de 90% a população bacteriana das dornas, mantendo-a abaixo de 2x10e6 durante toda a safra avaliada. Consequentemente houve redução da produção de ácido lático e desvios de açúcar gerando aumento no GL das dornas e no rendimento fermentativo.

Gráfico 2. Relação entre leveduras e bastonetes após Controle Contínuo em usina da região Centro Oeste safra 20/21.

A relação de leveduras/bactérias aumentou de 87 para 3.100 após o início do Controle Contínuo do mosto e se manteve acima de 550 durante toda a safra avaliada, permitindo que a levedura realizasse a fermentação com baixa competição dentro das dornas.

A Tabela 1 mostra os parâmetros que apresentaram melhoras durante a safra com o Controle Contínuo do mosto:

Tabela 1. Parâmetros da Fermentação após Controle Contínuo em Usina da Região Centro Oeste- Safra 20/21.

Além de toda melhoria na fermentação já apresentada, a principal vantagem do Controle Bacteriano Contínuo é facilitar o manejo operacional, neste momento de quadros reduzidos, permitindo que os operadores mantenham o foco no que realmente importa, deixando o controle bacteriano da fermentação por nossa conta.

A empresa Nalco é patrocinadora do Webmeeting Fermentec Reunião Anual 2021

Esta entrada foi publicada em Reunião Anual e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *